21/05/2019

Bancada da Bíblia se divide sobre apoio a decreto de armas de Bolsonaro



A bancada da Bíblia está dividida. A frente parlamentar que reúne 195 deputados e oito senadores, foi um dos mais aguerridos grupos de apoio do Governo de Jair Bolsonaro (PSL). Parte dela aprova o decreto presidencial 9.785/2019, que ampliou o rol de pessoas autorizadas a portar armas de fogo no Brasil. A outra, quer vê-lo revogado. Alguns dos mais ferrenhos defensores de Bolsonaro, como o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), defende que essas novas regras são inconstitucionais.

Embates com Congresso ofuscam futuro político (e econômico) de Governo Bolsonaro



O presidente Jair Bolsonaro fez mais uma provocação ao Congresso num momento que pedia sabedoria diante da data limite de 3 de junho para aprovar as medidas provisórias assinadas por ele logo que assumiu o mandato, como a que prevê a redução do número de ministérios (de 29 para 22). Bolsonaro partilhou um texto que reclama da dificuldade de governar sem “conchavos políticos”, relatando textualmente que “o presidente não serve para nada, exceto para organizar o governo no interesse das corporações”.

Por que os próximos dias serão decisivos para o governo Bolsonaro?



Depois de uma semana marcada por protestos contra o bloqueio de recursos na área de educação, indicadores ruins na economia e a revelação da quebra de sigilo de Flávio Bolsonaro, o governo do presidente Jair Bolsonaro terá de enfrentar questões decisivas nos próximos dias.
Os testes para o Planalto acontecem enquanto ainda ecoa, nas discussões de aliados e de opositores, a informação de que o presidente distribuiu em grupos de WhatsApp um texto dizendo que o Brasil é "ingovernável" e que o país "está disfuncional".

Morre Niki Lauda, lenda da Fórmula 1



Andreas Nikolaus Lauda, mundialmente famoso como Niki Lauda, morreu aos 70 anos, em Viena. O ex-piloto de Fórmula 1, três vezes campeão da principal categoria do automobilismo (1975, 1977 e 1984) e vice-campeão em 1976, sofria com problemas renais.

"Com profunda tristeza, anunciamos que o nosso querido Niki faleceu pacificamente, no dia 20 de maio de 2019, rodeado pela sua família", comunicaram os familiares do ex-piloto e empresário. "Suas realizações únicas como atleta e empreendedor são e permanecerão inesquecíveis."

“Bolsonaro não tem inteligência política, ou a estratégia é confrontar as instituições?”




Jair Bolsonaro assumiu a Presidência da República há apenas cinco meses e meio, mas já se encontra em apuros no Congresso Nacional e nas ruas. Enquanto milhares de pessoas ocupavam na quarta-feira as ruas de capitais e cidades médias, em 26 estados e no DF, o ministro da Educação era obrigado pelos deputados a comparecer à Câmara e enfrentar duros questionamentos, inclusive de parlamentares do Centrão, sobre o bloqueio de verbas em universidades e escolas.

20/05/2019

Paralisia do sono. Pessoas que acordam com figuras ameaçadoras em seus quartos ou alucinações do sono?



Pesquisadores tentam compreender as razões pelas quais algumas pessoas sofrem de um evento chamado “paralisia do sono”. Geralmente, trata-se de uma experiência ruim, pela qual ao menos 40% das pessoas já passaram uma vez na vida. De acordo com os estudiosos, a paralisia do sono acontece durante a fase do sono conhecida como movimento rápido dos olhos (da sigla em inglês REM). Nesta situação, a pessoa acorda e vê uma figura ameaçadora em seu quarto ou tem a sensação de que o seu peito está sendo pressionado.

Exército dos EUA cria protocolo para lidar com aumento de avistamentos de ovnis



O aumento registrado no número de avistamentos de ovnis em diversas regiões controladas pelo Exército dos Estados Unidos obrigou as Forças Armadas a estabelecer um novo protocolo de ação. Até hoje esses relatos de militares eram geralmente ignorados. Quando aceitos, não eram devidamente investigados.

A luta contra muros mentais



Caros brasileiros,

Alguém já disse para você que a sua opinião não vale? Que você abandonou o seu país, e por isso não pode e nem deveria mais discutir política brasileira?

Dólar acima de R$ 4: por que é tão difícil prever a cotação da moeda americana?



Preços de commodities, taxas de juros nos Estados Unidos, turbulência política na América Latina. O preço que o brasileiro paga pelo dólar nas casas de câmbio é resultado de uma combinação de diversos fatores.
E, por isso mesmo, é extremamente difícil de prever - mesmo para os economistas.

Campanha “anti-doutrinação” contra professores eleva estresse em sala de aula



Nunca foi fácil ser professor de escola no Brasil. Paga-se pouco, as jornadas de trabalho são longas, os recursos pedagógicos são escassos e, como se não bastasse, há alunos que recorrem à violência física ou verbal. A essa rotina, desde sempre estressante e mentalmente desgastante, se soma mais recentemente um novo elemento: o ambiente de ódio político no país e a patrulha ideológica promovida pela extrema direita dentro das salas de aula.