27/07/2017

Ciência explica um dos milagres mais famosos da Igreja Católica



Desde 1389, na Basílica de Santa Clara, Itália, é possível ver três vezes por ano como o sangue do mártir San Genaro, solidificado dentro de um relicário, liquefaz e aumenta seu volume diante dos seus devotos.

De acordo com a mitologia católica, San Genaro, bispo de Benevento, foi decapitado em 305 d.C., durante as perseguições de Maximiano e Diocleciano. Uma mulher teria coletado seu sangue milagroso, que foi mantido por séculos e séculos. A verdade é que não se soube da existência do relicário até o início do século XII.
Em 1902, utilizando a tecnologia da época, um grupo de cientistas afirmou que o líquido contido na relíquia era possivelmente um fluido tixotrópico, capaz de solidificar quando parado e liquefazer quando exposto ao movimento.

Os especialistas acreditam que algum alquimista do século XII poderia ter fabricado o estranho líquido, o qual, atualmente, ainda é venerado como um milagre desse santo.


supercurioso
seuhistory

Nenhum comentário:

Postar um comentário