15/10/2017

O OVNI que conseguiu deixar até os supersônicos soviéticos para trás



Em janeiro de 1975  o general Zvonimir Jurjevic comandava o 172º Regimento de Aviação do exército da União Soviética. Foi neste mesmo ano que os pilotos dessa equipe estariam frente a frente com um óvni, que surgiu no céu noturno em meio às fileiras de aeronaves em pleno voo.

“O objeto parecia uma esfera brilhante, claramente visível, talvez dez vezes mais luminosa que a estrela mais brilhante do céu naquele momento. O óvni mudava de cor sem parar: branco, amarelo, vermelho claro, laranja, branco de novo e assim sucessivamente”, afirmou Zvonimir Jurjevic em uma entrevista realizada à imprensa.

Nesse mesmo mês, o óvni apareceu todos os dias, sempre depois de 50 minutos da decolagem das aeronaves. Os pilotos atrasaram propositadamente a hora da decolagem para desafiar o fenômeno, que, mesmo assim, se repetiu novamente 50 minutos após a decolagem.

Um dia, mais precisamente 25 de janeiro de 1975, o general Zvonimir Jurjevic decidiu perseguir o óvni. Exatamente 50 minutos após a decolagem, a nave surgiu sobrevoando os céus da cidade de Cetinje. Assim que os aviões tentaram alcançá-lo, o óvni seguiu em direção a Budva e desapareceu.

Essa perseguição se repetiu por vários dias e Jurjevic relatou todos os incidentes a Belgrado. Um belo dia, o general utilizou uma estratégia diferente para tentar interceptar o óvni de uma vez por todas. “Tentei determinar a distância do objeto: eram aproximadamente 10 quilômetros. Ele não deixava que eu me aproximasse mais. Reduzi a velocidade, mantive a mesma distância. Acelerei... Continuavam sendo os mesmo 10 quilômetros”, explicou Jurjevic.

Imediatamente, chegaram de Belgrado dois MiG-21 supersônicos soviéticos, que tentaram caçar o objeto voador não identificado em vão. A aproximação era literalmente impossível. De repente, ele fugia a 1.700 km/h; de repente, ficava atrás dos aviões que o perseguiam, voando a 80 km/h.

Esse fenômeno se repetiu diariamente até 12 de fevereiro do mesmo ano, quando o óvni desapareceu para nunca mais ser visto novamente.



sputniknews
seuhistory

Nenhum comentário:

Postar um comentário