18/04/2018

Anibelli exige segurança para caminhoneiros em Paranaguá



O deputado Anibelli Neto (MDB), líder da oposição na Assembleia Legislativa, apresentou nesta segunda-feira (16) um requerimento de pedido de informações à Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina e também à Secretaria de Segurança Pública do Estado questionando as medidas que são adotadas pelo governo para garantir a segurança dos caminhoneiros que descarregam cargas nos terminais do Porto de Paranaguá.

“Os caminhoneiros lutam para conseguir o frete, mas quando chegam para descarregar em Paranaguá acabam frequentemente sendo vítimas de assaltos, roubos de cargas e outros crimes. É inadmissível que os caminhoneiros enfrentem este tipo de situação”, disse o deputado.

No pedido, Anibelli questionou se a APPA e a Sesp-PR possuem estudos ou registros das ocorrências envolvendo os caminhoneiros em Paranaguá e, em caso afirmativo, que as entidades disponibilizem copias destes documentos. O parlamentar também questionou quais metidas são adotadas atualmente para coibir crimes e garantir a integridade física dos motoristas.

O requerimento foi aprovado por unanimidade. Os órgãos têm 30 dias para responder o pedido de informações.

Em seu discurso, o parlamentar sugeriu também que a APPA promova campanhas informativas aos caminhoneiros sobre o sistema de agendamento para descarga. A partir de março de 2017 o agendamento passou a ser online, onde o próprio caminhoneiro escolhe o dia e o horário da chegada, com uma janela de 12 horas para o descarregamento. Recentemente, com o grande volume da safra atual de grãos, esta margem foi reduzida para 6 horas.

“É um sistema moderno, inteligente, mas a impressão que dá é que nem todos os caminhoneiros se adaptaram ao sistema. Então é importante fazer uma política de divulgação aos motoristas que, caso haja algum imprevisto, basta enviar um SMS para alterar o horário do descarregamento”, explicou.


--
Assessoria da Liderança de Oposição

Nenhum comentário:

Postar um comentário