09/05/2018

"Temo que haja espaço para um golpe militar", diz Barbosa



Em entrevista ao colunista d’O Globo Lauro Jardim, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal e agora ex-candidato à presidência da república, Joaquim Barbosa, diz temer um golpe militar. O golpe militar seria um dos “três perigos” que Barbosa vê no horizonte. Os outros dois são Bolsonaro e o próprio Temer: “temo que ele, maquiavélico, possa articular algo para continuar no poder, ou mesmo uma aliança que o eleja”.

Em tom de voz tranquilo, apesar de ter explodido há duas horas a bomba política do dia, Barbosa diz que já vinha amadurecendo a decisão nas últimas semanas. Apesar de ter se reunido na semana passada com o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, Barbosa se esquivou de encontros com economistas, líderes de movimentos sociais e parte da bancada federal do partido.
Afirma que assim o fez exatamente para não dar esperanças, pois ainda não tinha certeza se que queria mesmo ser candidato. Barbosa pretendia inicialmente esperar até julho para uma definição. Chegou a avisar isso ao partido. Só que, em sua avaliação, as coisas se precipitaram.
Leia a coluna do jornalista Lauro Jardim aqui.

conteúdo
Brasil 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário