02/06/2018

Novo presidente da Petrobras deve pensar na população, e não no mercado financeiro, destaca Anibelli



O deputado estadual Anibelli Neto (MDB), líder da oposição na Assembleia Legislativa, afirmou hoje (1) que o novo presidente da Petrobras deve administrar a empresa com foco nos interesses da população e na retomada do crescimento da economia, fornecendo combustíveis com preços justos e acessíveis, e não no mercado financeiro.

Na última segunda-feira, em discurso na Alep, Anibelli criticou a política de reajustes de preços diários praticados pela Petrobras na gestão de Pedro Parente à frente da empresa e cobrou sua demissão. Parente pediu demissão do cargo nesta sexta-feira.

“A demissão deveria ter acontecido no início da semana. O Brasil não suporta esta política de reajuste diário dos combustíveis. Ela pune duramente o setor produtivo, os caminhoneiros e a população. A Petrobras deve ser administrada pensando nos interesses da população, na retomada do crescimento econômico, e não com foco no mercado financeiro, para gerar lucros aos acionistas”, afirmou.

Ainda nesta sexta-feira, o Conselho de Administração da estatal aprovou a indicação do diretor financeiro, Ivan Monteiro, para substituir Parente. Ele assume o cargo interinamente.


Assessoria da Liderança de Oposição

Nenhum comentário:

Postar um comentário