05/10/2018

Artistas locais serão incentivados e não perseguidos no governo de João Arruda



A proposta de João Arruda para a Cultura prevê democratizar o acesso e a oportunidade de expressão para os paranaenses. Com este objetivo, o candidato vai criar núcleos culturais em todo o estado para homenagear artistas paranaenses, contar sua história e abrir o espaço para a apresentação de artistas locais, oportunizando contato da população com as mais diferentes formas de arte.

João também pretende incentivar manifestações culturais nas escolas e mesmo na rua, para que a arte chegue ao maior número de paranaenses, principalmente a população mais jovem.
No governo de João Arruda, os artistas locais e de rua serão incentivados, terão sua atuação regulamentada e garantida, sem risco de perseguição como acontece atualmente no centro de Curitiba, onde, mesmo amparados por legislação municipal (sancionada pelo ex-prefeito Gustavo Fruet), artistas estão sendo impedidos de mostrar sua arte e exercer seu trabalho por conta de uma rigorosa e injusta fiscalização.

Recentemente foi notícia o caso do músico Wes Ventura e sua banda, que tiveram seus instrumentos apreendidos e seu alvará recolhido pela Prefeitura, apesar de estarem cumprindo rigorosamente as determinações da legislação municipal quanto ao exercício da arte na rua.

“Vamos respeitar o artista de rua e vamos construir centros culturais nos modelos das bibliotecas cidadãs, criando, nos municípios mais carentes, espaços para a manifestação cultural que envolva toda a comunidade”, assegura João.


#JoãoArruda15

Nenhum comentário:

Postar um comentário