28/09/2019

Grávidas que bebem vinho têm filhos mais comportados



Estranho, não?

Bem, o pessoal da Universidade de Copenhagen também se surpreendeu. Eles analisaram o consumo de álcool entre 100 mil dinamarquesas grávidas em três ocasiões: duas vezes durante a gravidez e seis meses após o parto. Quando a criança já tinha sete anos, 37 mil mulheres foram convocadas, mais uma vez, para responder a algumas perguntas sobre o comportamento dos filhos.
Aí, veja só, eles perceberam que os filhos das mulheres que haviam tomado até uma taça de vinho por semana durante a gravidez se comportavam melhor – eram emocionalmente mais equilibrados.
“À primeira vista, não faz sentido, afinal, beber álcool durante a gravidez não é visto como bom para a criança. Mas quando você olha para o estilo de vida das mães, você encontra uma explicação”, diz a psicóloga Janni Niclasen, autora da pesquisa.
É que, segundo Niclasen, essas mães fãs de vinho costumam ser mais educadas. E também levam um estilo de vida mais saudável: se alimentam melhor e fazem exercícios físicos.
Ou seja, não dá pra jogar a responsabilidade para o vinho: ele não vai deixar o filho de ninguém mais comportado. Tudo depende dos pais. Em compensação, você já sabe que pode chamar aquela amiga grávida pra tomar uma (e só uma) tacinha de vinho um dia desses…

conteúdo
Carol Castro
super

Nenhum comentário:

Postar um comentário