11/08/2020

A CASA CAIU - Páginas "isentonas" confessam enquete FRAUDULENTA que beneficia Helder Lazarotto em Colombo

   
Em menos de 24 horas, as páginas "isentonas" voto colombense e colombo atenta, se manifestaram sobre a ENQUETE FRAUDULENTA que beneficia Helder Lazarotto em Colombo, ambas de propriedade do senhor Elias Claucio, sento o voto colombense administrado por Edgar Barreto, conforme consta na Lei brasileira e devidamente registrado o domínio no REGISTRO.BR.
  


Edgar Barreto "assumiu" o crime eleitoral e ainda "ensinou" o procedimento para fraudar enquetes, que são proibidas pela Justiça Eleitoral, com apoio integral de Elias Claucio, conforme nota no colombo atenta, exatamente por não terem a mínima credibilidade, mostram que qualquer um pode fraudar a enquete, menos os dois "isentões"...

Você pode ver na imagem abaixo, extraída da página voto colombense como funciona uma das possíveis maneiras de fraudar enquetes:

Barreto explica didaticamente que existe sim como fraudar a enquete fraudulenta e joga a responsabilidade de sua fraude nos outros.
 

Ambas as páginas mentem descaradamente ao afirmar que podem fazer enquete, mesmo sendo fraudulenta.

A Justiça está sendo acionada, aliás, DESAFIO ELIAS CLAUCIO E EDGAR BARRETO A ME PROCESSAREM, para mostrar se estou mentindo...

Claro que não irão fazer isso, pois sabem que cometem fraude eleitoral e que pode se tornar crime com multas superiores a R$ 100 mil reais.

Ambos partem para ataques baixos e rasteiros, tentando desvirtuar e desqualificar a verdade.

Eu, até então, tinha consideração pela história de Elias Claucio, que foi um dos precursores da mídia colombense, mas agora, por motivos desconhecidos, joga sua história no lixo.

Quem quiser pode consultar diretamente no REGISTRO.BR a propriedade destes domínios voto colombense e colombo atenta, basta acessar este link (https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/) e procurar, para ver que legalmente são estes dois os responsáveis e Claucio o dono das duas páginas.

Com a nova lei sobre o uso da internet e combate contra as FAKENEWS, o Facebook adotou uma medida em que você, para impulsionar uma publicação, precisa ter autenticação e verificação do mesmo para fins legais e judiciais. Adivinhem, nem Claucio ou Barreto possuem esta validação, mas esta página, deste jornalista que vos escreve, está devidamente validada e em conformidade com a legislação.

Particularmente eu quero acreditar que o pré candidato Helder não tem absolutamente nada com isso, mesmo sendo o "beneficiado" com esta enquete fraudulenta.

Infelizmente sempre surgem paraquedistas em eleições tentando lucrar de quem lhes pague mais, não importando os meios fraudulentos que usem...

Mas, hoje isso pode e deve ser denunciado, porque o STF (Supremo Tribunal Federal) e o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) tem atacado de forma contundente os disseminadores de FAKENEWS, levando até para a cadeia os reincidentes.

Não interessa quem seja, DENUNCIAREMOS SEMPRE OS FRAUDADORES CIBERNÉTICOS.

E, para encerrar, CLAUCIO E BARRETO ME PROCESSEM E PROVEM QUE NÃO ESTÃO COMETENDO FRAUDE ELEITORAL AO CRIAR ENQUETE FRAUDULENTA.


Nenhum comentário:

Postar um comentário